Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 24 de Abril de 2019

Tecnologia

Três Lagoas: Agentes de Endemias passam a usar Smartphone no combate à Dengue

Prefeitura Municipal de Três Lagoas / MS
Foto: Prefeitura Municipal de Três Lagoas / MS Aplicativo de celular será usado para monitoramento e registro de dados nas visitas domiciliares que realizam
Aplicativo de celular será usado para monitoramento e registro de dados nas visitas domiciliares que realizam

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio do Setor de Endemias e Controle de Vetores da Diretoria de Vigilância em Saúde e Saneamento recebeu importante instrumento de monitoramento e combate à Dengue e outras endemias, na manhã desta quarta-feira (10).


O evento de entrega de 106 aparelhos celulares (Samsung – Galaxy – J5 Prime), onde será instalado o aplicativo do E-Visita, contou com uma equipe da Divisão de Tecnologia de Informação (DPI) da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul, coordenada pelo Analista de Informática, Luiz Fabiano Câmara e aconteceu na sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SSPM).


        Agentes de Endemias assinaram termo de cessão de uso do Smartphone

A distribuição dos aparelhos aos Agentes de Endemias, com as devidas formalidades de assinatura individual do Termo de Entrega e do Termo Administrativo de Cessão de Uso, mediante apresentação de documento de identidade (RG) e CPF (Cadastro de Pessoa Física), foi acompanhada pela secretária de Saúde, Angelina Zuque; diretora de Vigilância em Saúde e Saneamento, Geórgia Medeiros de Castro Andrade; coordenador do Setor de Endemias e Controle de Vetores, Alcides Divino Ferreira; e pelo presidente do SSPM, Antônio Carlos Modesto.

“É um importante instrumento de ajuda e melhoria da qualidade e eficiência do trabalho diário dos nossos Agentes de Endemias”, resumiu Angelina Zuque.

Por meio do aplicativo a ser instalado em cada aparelho de celular, o Agente de Endemias envia dados online, registrando informações sobre o seu trabalho de visitas domiciliares, ocorrências de localização de criadouros e medidas adotadas no enfrentamento à Dengue e outras endemias.

“Esses dados são diretamente enviados à Secretaria Estadual de Saúde, Ministério da Saúde e, com isso, teremos também acesso rápido e instantâneo a essas informações de monitoramento e controle das Endemias”, explicou Angelina.

“Por ser uma importante ferramenta de trabalho, cabe ao Agente de Endemias a responsabilidade do seu uso adequado e cuidados que se fazem necessários para conservação do bom estado do aparelho”, observou.

APLICATIVO

O “E-Visita Endemias” é uma proposta de solução inovadora e efetiva, usada pelo Estado de Mato Grosso do Sul, nas ações de monitoramento e controle de focos do mosquito Aedes aegypti e outros vetores.

Na oportunidade da entrega dos aparelhos, que possuem identificação individual, como todo o aparelho de telefonia móvel, os Agentes de Endemias receberam também orientações técnicas de como proceder no uso adequado do Smartphone.

“O governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Saúde, também disponibilizou a cada Agente de Endemias, junto com o Smartphone, o uso mensal de 3GB de Internet para envio das informações inerentes à função e outros serviços”, informou o técnico da DPI.

Deixe seu Comentário