Campo Grande/MS, 15 de Julho de 2018

Destaques

A tragédia da morte dos irmãos gêmeos de dois anos em Três Lagoas

Redação TerereNews
Foto: gemesotreslagoas gemesotreslagoas
gemesotreslagoas

Médicos tentaram por meia hora salvar a vida de gêmeos que caíram em piscina
Crianças de dois anos caíram na piscina na residência da família, no bairro Jardim dos Ipês, em Três Lagoas

Crianças foram levadas pelos pais ao hospital, mas não resistiram - Reprodução/Facebook

A morte dos irmãos gêmeos, Gabriel e Guilherme, de apenas dois anos de idade, neste domingo (3), em Três Lagoas, causou comoção na região. As vítimas teriam caído na piscina, na residência da família, no bairro Jardim dos Ipês, e chegaram a ser levadas ainda com vida para o Hospital Auxiliadora. De acordo com a unidade médica, por meia hora a equipe de médicos e enfermeiros tentou salvar a vida das crianças.

A assessoria do hospital informou que as vítimas deram entrada às 8h25 e os profissionais realizaram todos os procedimentos de “ressuscitação”, porém, os irmãos não resistiram e morreram de parada cardiorrespiratória. As vítimas foram levadas pelos pais para o Auxiliadora.

Antes disso, quando as crianças foram encontradas por eles na piscina, o Corpo de Bombeiros foi acionado e orientou, por telefone, como prestar os primeiros socorros. A família está abalada e prefere não comentar sobre o caso. O sepultamento ocorreu por volta das 17h, no Cemitério Municipal Santo Antônio.

Os gêmeos são filhos do ex-assessor jurídico da Prefeitura de Três Lagoas, Clayton Mendes de Morais, que exerceu o cargo nas gestões das ex-prefeitas Simone Tebet e Márcia Moura. Informações repassadas por familiares dão conta de que as crianças teriam conseguido passar pela grade que cerca a piscina. 

As informações são de Kelly Martins - JP News

Conteúdo Relacionado

Deixe seu Comentário

Comentários