Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 21 de Julho de 2019

Economia e Negócios

Superintendente do IEL apresenta trajetória profissional em evento para servidores do Poder Judiciário

FIEMS
Foto: FIEMS Superintendente do IEL apresenta trajetória profissional em evento para servidores do Poder Judiciário

Ao participar nesta quinta-feira (09/08) da sexta edição do PPA (Programa de Preparação para Aposentadoria), promovido pelo TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) em parceria com a Justiça Federal, TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral de MS) e TRT (Tribunal Regional do Trabalho), o superintende do IEL, José Fernando do Amaral, apresentou as servidores do Poder Judiciário a palestra “Aposentadoria, uma oportunidade para empreender”, destacando que é possível continuar com a vida profissional mesmo depois de se aposentar. 

José Fernando do Amaral contou toda a sua trajetória de vida, desde quando se decidiu por fazer a faculdade de administração pela Fundação Getúlio Vargas, em São Paulo, até chegar à Superintendência do IEL. “Estou muito feliz por poder passar minhas experiências e meu entusiasmo mesmo depois de me aposentar para pessoas que estão em fase de mudança. Acredito que trazer minha história de vida, que eu considero de sucesso, e estar aposentado e continuar como superintende do IEL é um sopro de otimismo e motivação”, afirmou. 

Segundo a diretora do Departamento de Acompanhamento e Avaliação de Pessoas do TJMS, Fabiana Ricartes de Oliveira Corradini, o PPA já está em sua sexta edição e é destinado aos servidores do Poder Judiciário que que já cumpriram com os requisitos legais para adquirir a aposentadoria, ou seja, que já têm o tempo de serviço e a idade necessários para pedir se aposentar

“É um evento que busca proporcionar aos servidores um momento de reconhecimento por todo o tempo de serviço prestado ao Poder Judiciário e também para que eles possam desfrutar de novas opções de projetos de vida, de um compartilhamento de experiências. Procuramos trazer várias perspectivas pós aposentadoria e o relato de vida do superintendente do IEL é extremamente importante, porque hoje temos pessoas que se aposentam jovens e podem dar continuidade, não de forma obrigatória, à vida profissional, se dedicando àquilo que gostam verdadeiramente”, finalizou Fabiana Ricartes de Oliveira Corradini.

Deixe seu Comentário