Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 14 de Outubro de 2019

Saúde

Sidrolândia: após reforma do Hospital, Estado vai equipar e ampliar atendimento

Governo do Mato Grosso do Sul
Foto: Governo do Mato Grosso do Sul Hospital Elmíria Silvério Barbosa

Governo já investiu, desde o início do ano, R$ 1,6 milhão na saúde de Sidrolândia; repasses foram feitos para custeio de serviços como da UPA, SAMU, Agentes Comunitários de Saúde e outros

O Governo do Estado tem a parceria com o Município de Sidrolândia em diversos setores, entre eles, o da saúde. Prova disso é a reforma e ampliação do Hospital Elmíria Silvério Barbosa, ação viabilizada com recursos de R$ 1.540.000,00, dos quais R$ 340 são oriundos dos cofres estaduais e R$ 1,2 milhão de emenda do então deputado federal Geraldo Resende, atual secretário estadual de saúde.

A partir da ampliação, o Hospital de Sidrolândia está ganhando um novo centro cirúrgico e obstétrico completo e de última geração, composto por salas para recepção de pacientes, para materiais e roupas esterilizadas, enfermagem, prescrição, parto normal (três salas), sala de pós-cirurgia com quatro leitos, sala de equipamentos, lavagem de materiais, desinfecção química, armazenagem de materiais esterilizados, quarto para médico plantonista, farmácia, sala de higienização (recém-nascido), e dois centros cirúrgicos.

Com as obras concluídas, o Governo deverá viabilizar os recursos para a compra de novos equipamentos, a fim de melhorar o atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde – SUS. Para tanto o secretário Geraldo Resende quer marcar para os próximos dias uma reunião entre a Secretaria de Estado de Saúde, o Município de Sidrolândia e a diretoria da Associação Beneficente mantenedora do hospital.

“Vamos discutir uma nova modelagem para o Hospital Elmíria Silvério Barbosa a fim de construirmos uma parceria, na qual vamos rediscutir a produção dos serviços de saúde pelo Município de Sidrolândia. Nesta nova formatação, certamente será possível ampliar o atendimento à população, evitando que, ao contrário do que acontece hoje, muitos sidrolandenses tenham que buscar atendimento na rede pública de Campo Grande, trazendo transtornos enormes a nossa capital”, explica o secretário.

 Apoio

Desde o início do ano, o Governo do Estado já transferiu recursos para a saúde de Sidrolândia que somam R$ 1.689.310,32. Os repasses foram feitos para o Fundo Municipal de Saúde do Município utilizar no pagamento de serviços como equipes do Programa Saúde da Família (PSF), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), Agentes Comunitários de Saúde (ACS), Centro de Especialidades Odontológicas, Saúde Mental, Unidade de Pronto Atendimento (UPA), entre outros.

Outra conquista que é resultado da parceria com o governo do Estado foi a entrega, em abril deste ano, de uma caminhonete L-200 para ações de vigilância, de uma van para transporte de pacientes que necessitam tratamento em Campo Grande, principalmente os renais crônicos, que fazem hemodiálise três vezes por semana na capital. Sidrolândia também recebeu, em abril deste ano, uma ambulância do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

A destinação da caminhonete e da ambulância foi articulada por Geraldo Resende quando exercia o mandato de deputado federal, em parceria com o Governo do Estado. A van foi resultado de uma emenda de R$ 190 mil que o secretário destinou ao Município, na condição de parlamentar federal, ainda em 2019. Van para transportes de pacientes que necessitam tratamento  em Campo Grande, principalmente os renais crônicos – hemodiálise 3 vezes por semana em CG

Ricardo Minella – Secretaria Estadual de Saúde- (SES)

Foto: Ricarod Minella

Deixe seu Comentário