Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 16 de Outubro de 2019

Saúde

Semed adere à campanha nacional de vacinação e conscientiza comunidade escolar

Prefeitura Municipal de Campo Grande
Foto: Prefeitura Municipal de Campo Grande campanha nacional de vacinação


A Secretaria Municipal de Educação (Semed) aderiu à Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente que foi aberta, oficialmente, nesta segunda-feira (7) em todo país.  O objetivo da campanha é vacinar contra o sarampo crianças a partir de  meses a menores de cinco anos de idade e adultos na faixa etária de 20 a 29 anos de idade visando interromper a circulação viral e controlar a doença no país.

Para colaborar com o trabalho de conscientização, a secretária municipal de Educação, Elza Fernandes e a superintendente de Gestão e Normas da Rede Municipal de Ensino (Reme), Alelis Isabel Gomes, reuniram os gestores das unidades escolares para definir a dinâmica das ações.  A partir desta segunda-feira (7), com o apoio técnico de diretores e professores, serão realizadas reuniões com os pais para falar sobre a importância de levar as crianças aos locais de vacinação no próximo dia 19, além da entrega de informativos.

Além disso, os diretores das unidades foram orientados para que a equipe pedagógica faça atividades lúdicas com os alunos, reforçando a conscientização.“Orientamos os gestores para fazer essas atividades lúdicas para chamar a atenção das crianças quanto a importância da vacinação. É importante, tanto para a comunidade escolar quanto para a saúde das crianças. Vamos envolver todos os profissionais nesta campanha”, afirmou Alelis.

 Para a diretora-adjunta da escola municipal Oliva Enciso, localizada no Bairro Tiradentes, Elismar Fernanda da Rocha, a mobilização é fundamental para o sucesso da campanha. “A família precisa ter essa consciência e a escola é o melhor lugar para divulgar aos pais sobre a necessidade dessa prevenção”, pontuou.

 Já a diretora da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Marta Guarani,  Jeane dos Santos Bezerra Adriano, o trabalho vai além da sala de aula. Em parceria com a unidade de saúde de seu bairro ela ressaltou que sempre repassa para os agentes de saúde sobre a situação da carteira de vacinação de seus alunos, para que os profissionais orientem os pais. “Temos que trazer para nós o compromisso e a responsabilidade de fazer esse acompanhamento junto às famílias, verificar nas pastas se essa carteira está sendo atualizada, se o pai está realmente levando a criança para a vacinação. Na unidade onde gerencio eu faço o acompanhamento junto com a UBS  Vida Nova. Sempre repasso à UBS a informação de que os pais não estão cumprindo com o calendário e aí é reforçada a comunicação e quem ganha com isso são as crianças que estarão asseguradas com sua vacinação”, disse.

Dinâmica

A abertura da campanha acontecerá em duas etapas: no período de 7 a 25 de outubro, será realizada a vacinação de todas as crianças não vacinadas de seis meses a menores de cinco anos de idade. Já no dia 19, acontecerá o dia D de mobilização nacional.

No período de 18 a 30 de novembro será realizada a vacinação de adultos jovens não vacinados na faixa etária de 20 a 29 anos de idade, sendo que no dia 30 ocorrerá o dia D de Mobilização Nacional e encerramento da campanha de vacinação destinada aos adolescentes.


Deixe seu Comentário