Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 23 de Setembro de 2019

Nacional

Promoter acusa Adriano Imperador de agressão e registra BO

Metrópoles
Foto: Divulgação / Assessoria promoterjpg.jpg

Um dos grandes nomes da história do futebol brasileiro, o jogador Adriano Imperador se envolveu em mais uma polêmica. E, dessa vez, terminou na delegacia.
Na madrugada dessa segunda-feira (08/07/2019), o ex-atacante se envolveu em uma confusão enquanto curtia uma festa na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Ele foi acusado de agredir um promoter dentro da casa de festas Vitrinni Lounge. Yuri Monteiro, de 27 anos, abriu um Boletim de Ocorrência contra Adriano. Segundo a denúncia, Imperador teria jogado um copo de bebidas nele e feito ameaças.
“Ele tentou me agredir e pediu para os seguranças me tiraram da boate. Nunca fiz nada contra ele. Não tem motivo para ele ter essa raiva de mim. Tudo foi por causa de ciúme de uma ex-namorada, que não tem nada a ver. Estou me sentindo ameaçado e com medo de andar na rua e ele mandar fazer alguma coisa contra mim”, disse Yuri ao jornal Extra. Segundo o jovem, Adriano o ameaçou. “Eu vou te pegar lá fora. Não existe Lei Maria da Penha para viado.”
Ao jornal Extra, o ex-atleta, por meio de seu advogado, negou a tentativa de agressão. “O Adriano nega que tenha tentado agredir essa pessoa, muito menos ameaçá-lo. Tal fato será facilmente esclarecido na Justiça”, declarou.
ESTEVAN FURTADO
 

Deixe seu Comentário