Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 22 de Maio de 2019

Polícia

PF investiga desvios em contratos do Ministério do Turismo e do Sistema S

G1
Foto: Tereré News Viatura da Polícia Federal
Viatura da Polícia Federal

Na manhã desta terça-feira (19), a Polícia Federal (PF) desencadeou  a Operação Fantoche, que investiga um esquema de corrupção envolvendo um grupo de empresas sob o controle de uma mesma família que vem executando contratos firmados por meio de convênios com o Ministério do Turismo e entidades do Sistema S, sob suspeita de prática de crimes contra a administração pública, fraudes licitatórias, associação criminosa e lavagem de ativos.

São cumpridos 10 mandados de prisão e outros 40 de busca e apreensão no Distrito Federal, Pernambuco e outros cinco estados. A 4ª Vara Federal da Seção Judiciária de Pernambuco ainda autorizou o sequestro e bloqueio de bens e valores dos investigados. 

Foi registrado a saída de carros com equipes da PF da sede, no Cais do Apolo. Havia também um carro da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Pernambuco (OAB-PE).

Os mandados, segundo o G1, são cumpridos ainda em São Paulo, Paraíba, Mato Grosso do Sul e Alagoas. O sistema S inclui entidades como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o Serviço Social do Comércio (Sesc), o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac).

Deixe seu Comentário