Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 22 de Setembro de 2019

Educação

Parceria com livraria contempla escola da Reme com mais de 300 livros infantis

Prefeitura Municipal de Campo Grande/MS
Foto: Prefeitura Municipal de Campo Grande/MS Projeto “Construindo leitores na Escola”

Com a intenção de despertar e incentivar a leitura aos alunos da Rede Municipal de Ensino (Reme), a Secretaria Municipal de Educação (Semed) levou para a escola municipal “Professora Ione Catarina Gianotti Igydio”, por meio da biblioteca escolar o projeto “Construindo leitores na Escola”.

A ação é uma parceria com a livraria Leitura, que fez uma doação de 370 livros infantis, incluindo gibis, para a unidade escolar. As obras ficarão disponíveis em um castelo de MDF e a ideia é utilizar o lúdico para despertar o prazer pela literatura entre as crianças da Educação Infantil, que totaliza 350 alunos na unidade.

A entrega das obras e do castelo aconteceu na tarde desta quarta-feira (12) e contou com a presença da secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, que elogiou o empenho da equipe da Reme em viabilizar o projeto.

“Foi um gesto de carinho de todos que se preocupam com a educação. Parabenizo também os profissionais da escola que realizam um grande trabalho. Essa é a extensão das nossas ações que proporcionam uma aprendizagem diferente aos alunos”, destacou a secretária.

“Nós buscamos parcerias no intuito de contribuir efetivamente no processo de construção de um aluno leitor. Esse castelo tem o propósito de mostrar que a leitura pode estar em todo lugar, não apenas na biblioteca. Nós do setor publico precisamos dessas parcerias, que são preciosas”, afirmou a coordenadora do projeto, professora Mirna Santana.

O diretor da escola, Jeferson Rosseto, destacou a importância do projeto no processo de aprendizagem. “O hábito da leitura é fundamental para o desenvolvimento pedagógico da criança e esse projeto só tem a acrescentar”, disse.

A ação, desenvolvida pela biblioteca da Secretaria Municipal de Educação, é coordenada pela Superintendência de Políticas Educacionais, através da Divisão de Tecnologia Educacional.

O sócio-gerente da livraria Leitura em Campo Grande, Wander Cesar de Lima, explicou que  a ideia de construir os castelos para abrigar os livros foi do presidente da empresa, que decidiu, há alguns anos, distribuir os castelos à escolas e entidades do país.

“Buscamos contemplar entidades que somassem ao nosso interesse de divulgar a leitura. Estimular as crianças desde pequenas a conhecer o universo literário, forma cidadãos que futuramente terão um com conhecimento maior. Se desde pequena a criança é acostumada a ler, vai se tornar um adulto leitor e existem diversa maneiras de estimular essa leitura”, destacou.

Além dos livros, a escola também ganhou de uma empresa de tintas, a revitalização do parquinho. O evento ainda contou com a presença do vereador Valdir Gomes e da Liga do Bem, grupo de voluntários que utilizam fantasias de super-heróis para apresentações em entidades, escolas e hospitais.

Deixe seu Comentário