Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 16 de Julho de 2019

Entretenimento

Música e culinária atraem mais de 5 mil para 4ª Festa do Queijo de Rochedinho

Assessoria de Comunicação
Foto: Divulgação Superando todas expectativas, a festa movimentou a região levando 32 expositores, do próprio distrito

Músicos da terra como a dupla Tostão e Guarany e o Grupo Tradição, e a excelente culinária, com pratos típicos como o arroz de carreteiro, pastéis, e muito queijo, é claro foram as grandes atrações da 4ª Festa do Queijo de Rochedinho que atraiu um público de mais de 5 mil para pessoas para o distrito neste sábado (11).

Superando todas expectativas, a festa movimentou a região levando 32 expositores, do próprio distrito, além da Capital e de Jaraguari, e de vendedores que estavam na praça de alimentação do evento.

A culinária, inclusive, foi o que mais chamou a atenção das amigas Julie Menezes, de 14 anos, e Geovana Cândido, de 12 anos.

“Viemos com a nossa família e estamos gostando muito. A comida está maravilhosa. Já comi cachorro-quente e acarajé”, enumerou Julie.

Geovana que também foi a festa no ano anterior elogiou. “Está muito melhor. Maior, mais organizado. Toda a família gostou muito”, disse.

Quem também compareceu em peso com a família foi a empresária Daiana Oliveira, de 37 anos. “Veio o marido, a filha, a comadre, o compadre, os pais dos compadres. Todo mundo. Estamos gostando muito, tanto pela culinária que está maravilhosa, quanto pelos pelos brinquedos para as crianças”, disse.

Esse é o grande objetivo da festa, segundo o prefeito Marquinhos Trad. “Um lugar para vir com a mãe, com os filhos. Para todos terem momentos agradáveis juntos. Uma festa para quem é de Rochedinho, de Jaraguari, de Campo Grande”, afirmou.

Subprefeito de Rochedinho, Silvio Santos, comentou que a festividade, agora faz parte do calendário oficial de eventos da Capital.

“Com a festa no calendário oficial, isso mostra o cuidado que a gestão tem com o distrito, de fazer crescer e desenvolver. Trazer para cá oportunidades para os moradores mostrarem seus produtos e fazerem negócios”, afirmou

Já a secretária Melissa Tamaciro, responsável pela pasta da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), pontuou sobre a importância do fortalecimento de eventos como propulsor da cultura, do lazer e do turismo.

“Os eventos fortalecem a identidade cultural de uma região e faz crescer a oferta de lazer e cultura para Campo Grande e seu entorno”, afirmou.

Para a secretária Adjunta da Sedesc, Mara Bethânia Gurgel, a proposta cria oportunidade para os produtores.

“Movimentamos a economia desses pequenos comerciantes e evidenciamos a questão dos produtores”, discorreu Mara.

O produtor Filipe Souza Carmo, de 24 anos, concordou.

“A festa estimula a cultura da região e promove nossos produtos, além de divulgar o distrito”, disse.

Quem visitou a festa pode levar para casa queijo caipira, do tipo canastra, requeijão, coalho e diversos outros feitos por produtores de Campo Grande, Rochedinho e Jaraguari. A festa também contou com o Pedal do Queijo, projeto em parceria com a Associação FireBikers Team, que reuniu cerca de 260 ciclistas, de todas as idades.

A programação musical do 17 Arraial de Santo Antônio de Campo Grande foi anunciada no local. Confira:

13/06

Laço de Iuro

Manutti

14/06

Max Henrique

João Lucas e Walter Filho

15/06

David e Guilherme

Brenno Reis e Marco Viola

Thiago Brava

Deixe seu Comentário