Campo Grande/MS, 18 de Outubro de 2018

Destaques

Médica que criou a multimistura participa de palestras sobre alimentação inteligente em MS

Redação TerereNews
Foto: sanatacasa sanatacasa
sanatacasa

Campo Grande (MS) – Com foco em uma dieta saudável sem grande custo ao consumidor, o Ciclo de Palestras sobre Alimentação Inteligente será promovido em três cidades (Dourados, Campo Grande, Ponta Porã). O tema será abordado pela nutricionista e médica pediatra, Clara Takaki Brandão, doutora formada pela Universidade de São Paulo (USP), que revolucionou a nutrição infantil no Brasil com a criação da “multimistura”.

Composta por farelo de arroz e trigo, folha de mandioca e sementes de abóbora e gergelim, a multimistura é uma fórmula que, nas últimas três décadas, revolucionou o trabalho da Pastoral da Criança, reduzindo as taxas de mortalidade infantil no País e ajudando o Brasil a tirar centenas de crianças da desnutrição e risco de morte.

Ao todo, serão promovidas seis palestras voltadas para um público-alvo específico: nutricionistas, agentes de saúde, diretores de escolas, merendeiras, agricultores e extensionistas. As quatro primeiras palestras acontecem em Campo Grande. O início dos trabalhos começa nesta quarta-feira (19.7), das 13h30 às 17h, no anfiteatro da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), bloco 12, Parque dos Poderes. Já na quinta-feira (20.7) serão promovidas duas turmas, sendo das 9h às 10h, no auditório da Santa Casa, e das 13h30 às 17h, novamente no auditório da Agraer. O último encontro, na Capital, será realizado no Centro Educacional Infantil (CEI) Zedu, no Parque dos Poderes, com uma oficina voltada para merendeiras escolares.

No sábado (22.7), será a vez de Dourados sediar o Ciclo de Palestras. O evento acontecerá na Igreja Nossa Senhora de Fátima, situada na rua Coronel Ponciano, 3020, Vila Alba. Por fim, na segunda-feira (24.7), o município de Ponta Porã receberá uma oficina teórico-prática que será promovida no assentamento Itamarati, nas dependências da escola da comunidade agrícola.

O evento é uma realização da Santa Casa em parceria com a Agraer, órgão do Governo do Estado, vinculado à Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

Multimistura

Formada em medicina pela USP, em 1969, com especialização em pediatria e, posteriormente, como nutróloga, Clara Brandão começou a participar de trabalhos voluntários quando ainda cursava o Ensino Médio. Durante a faculdade e a residência na pediatria do Hospital das Clínicas, continuou engajada com esse tipo de serviço.

Em 1975, em Santarém, motivada pela seca que produzia um grande número de desnutridos, iniciou pesquisas sobre as preparações alimentares regionais disponíveis. Criou, então, a Ong Seara – Sociedade de Estudos e Aproveitamento da Amazônia – que, com o apoio do Programa Casulo, da Legião Brasileira de Assistência (LBA), montou 13 creches que chegaram a atender 390 crianças. No cardápio elaborado para as creches, sempre valorizou uma preparação única, com muita variedade e enriquecida com um concentrado de minerais e vitaminas. Assim nasceu a Multimistura.

Atualmente, o programa de orientação alimentar contra a desnutrição, desenvolvido pela Drª Clara, está em todos os estados brasileiros e em mais 15 países da América Latina, África e Ásia. Seu sucesso deve-se, em grande parte, aos parceiros, como a Pastoral da Criança, o Programa de Agentes Comunitários de Saúde (Pacs), o Programa de Saúde da Família  (PSF), a Cáritas, a Emater, a Indagro, a Caravana da Vida, alguns governos estaduais, muitos governos municipais e inúmeras Ongs que passaram a utilizá-lo em suas ações de cidadania.

Aline Lira – Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer)

Foto: Edemir Rodrigues

Deixe seu Comentário