Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 20 de Agosto de 2019

Política Regional

Dr. Lívio promove ação social no Rancho Alegre e ouve reivindicações dos moradores

Assessoria de Comunicação
Foto: Divulgação Ação social

O vereador Dr. Lívio (PSDB), juntamente com a equipe do gabinete, esteve no bairro Rancho Alegre, região do Caiobá, para uma ação beneficente, nesse fim de semana, a fim de ajudar a reconstrução do Ministério El Shadday, que pegou fogo no último dia 23 de junho.

Com a ajuda de parceiros, foram oferecidos serviços de atendimento à saúde, informação sobre primeiros socorros, recreação para as crianças, vivências em práticas integrativas, shows musicais e realizadas rodas de conversa.

O morador Jorge da Silva foi um dos atendidos na tenda da Clínica da Família do Portal Caiobá. Descobriu ali que a taxa de glicemia estava alta e foi atendido pelo médico, no local, que o encaminhou para exames.  

Quem participou da ação social, pode acompanhar a discussão sobre o tema Violência Contra a Mulher, que tem enfoque na Lei 6.061/2018, de autoria do vereador, com uma proposta de atendimento multidisciplinar ao autor da violência, desde que com algumas ressalvas como não ter sido condenado por crimes sexuais. Trata-se do Programa Recomeçar.

A roda de conversa contou ainda com a presença da Subsecretária Estadual de Políticas para Mulheres, Giovana Corrêa, e da deputada federal, Rose Modesto, que se colocou à disposição do mandato do vereador para liberação de emendas parlamentares destinadas à essa causa.

Além da ação social, Dr. Lívio também ouviu as principais reivindicações da população que incluem a construção de uma base da Guarda Municipal, asfalto e cascalhamento de ruas. “São ações como essa que nos fazem a estar mais próximos da população. Com a ajuda de voluntários conseguimos fazer um pouco para quem precisa de muito. Mas de pouco em pouco buscamos ser um suporte para as pessoas que nos procuram, levando conhecimento, atendimento e acolhimento”, disse o vereador.

A ajuda para reconstruir a igreja fundada por dona Aydelir Rangel da Silva, há 12 anos, veio dos recursos arrecadados na praça de alimentação, montada por voluntários. O Ministério El Shadday realiza dois cultos semanais e já recebeu outras doações para a reforma do prédio que pegou fogo.

Confira fotos.

Deixe seu Comentário