Conheça a União do Vegetal (UDV) Senhora Santana em Campo Grande

Sharing is caring!

A data de 18 de fevereiro é um dia de grande importância histórica para o Núcleo Senhora Santana (Campo Grande-MS). Nela, em 1984, mestre Clóvis Cavalieri Rodrigues de Carvalho (atual Mestre Geral Representante do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal) recebeu autorização do Mestre Geral Representante na época, Raimundo Monteiro de Souza (Mestre Monteiro), para abrir uma Distribuição Autorizada de Vegetal (DAV) naquela cidade. Iniciou-se assim, a expansão da União do Vegetal na 13ª Região, integrada hoje por núcleos e DAVs de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e um núcleo em Goiás.

Clique aqui e acesse a Galeria de Imagens do Núcleo Senhora Santana

O início

Mestre Clóvis residia na cidade de São Paulo-SP e bebeu o Vegetal pela primeira vez no Núcleo Samaúma (naquela época localizado em Cotia-SP), em 10 de fevereiro de 1979. A sessão dirigida pelo Mestre Representante do núcleo, Raimundo Pereira da Paixão (Mestre Paixão).

Em 1980, já pertencendo ao Corpo do Conselho, Mestre Clóvis recebeu autorização de Mestre Paixão para trazer o Vegetal à sua família, em Campo Grande. As sessões eram realizadas na casa de seus pais, Elias Rodrigues de Carvalho (in memoriam), que chegou ao Quadro de Mestres da UDV e sua mãe, hoje a conselheira Neide. Participavam destas sessões, sua companheira, hoje a conselheira Célia Regina Bandeira Parra de Carvalho, seus pais e mais alguns familiares.

Em 1º. de novembro de 1981, mestre Clóvis foi convocado para o Quadro de Mestres por Mestre Paixão. Em 1982, mudou-se para Brasília-DF, continuando a trazer o Vegetal a Campo Grande com a autorização do Mestre Central na época, Mestre Monteiro e do Mestre Representante do então Núcleo Estrela do Norte (atualmente Sede Geral), Luís Felipe Belmonte dos Santos (hoje Mestre Assistente Geral da UDV).

Distribuição Autorizada de Vegetal

Em 18 de fevereiro de 1984, mestre Clóvis mudou-se para Campo Grande, recebendo a autorização de Mestre Monteiro para abrir uma DAV. A primeira sessão realizada nesta condição foi na casa de seus pais, situada a Rua André de Barros, 92 – Vila Sargento Amaral. Durante um período de um ano e oito meses, as sessões foram realizadas na residência do m. Clóvis e da c. Célia, situada na Av. Madrid.

Foi comprado o terreno para construção do Pré-Núcleo Senhora Santana, em julho de 1984. O nome da rua onde está localizado o terreno é Horto das Oliveiras, a única no Bairro cujo nome tem ligação com a vida de Jesus.

Mestre Clóvis contou com um especial apoio do primeiro discípulo que chegou depois de seus familiares, Tiago do Carmo da Silva, Mestre Tiago (in memoriam). Contou também com o apoio de seu pai e seu primo Adolfo Mura, hoje integrando o Quadro de Mestres e atual diretor do Departamento de Beneficência da Diretoria Geral do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal.

Pré-Núcleo

Mestre Paixão foi quem propôs o nome “Senhora Santana”, uma feliz escolha!

O Pré-Núcleo Senhora Santana foi inaugurado em 14 de dezembro de 1985. Nesta data estavam presentes o então Mestre Geral Representante, Mestre Monteiro, e Mestre Paixão, na época mestre Central da 3ª Região, a qual o Núcleo Senhora Santana pertencia. Foi uma festa muito bonita, um acontecimento com uma expressiva presença dos irmãos do Núcleo Samaúma, e irmãos de outros núcleos da UDV.

Com o passar do tempo, iniciou-se o trabalho de construir as primeiras instalações. A casa do caseiro foi a primeira; depois o berçário, local onde foram realizadas algumas sessões; vindo a seguir a casa de preparo do Vegetal, onde por mais de três anos as sessões foram realizadas.

Na época, não existia energia elétrica no local e utilizava-se luz de lampião. No dia que foi instalada, o Mestre Raimundo Carneiro Braga (mestre Braga) estava presente e foi um momento de grande alegria.

Núcleo

A chegada de Mestre Pernambuco

Durante todos estes anos, o Núcleo Senhora Santana recebeu o apoio dos Mestres da Origem do Centro, valorizando estas nobres pessoas que fazem parte desta história, virtude ensinada a irmandade por mestre Clóvis.

Com a presença do Mestre Manoel Severino Félix (Mestre Pernambuco), que passou a residir em Campo Grande durante dois anos e 04 meses, o então Pré-Núcleo teve a condição de passar, em 14 de dezembro de 1987, a Núcleo Senhora Santana.

Em 1991, chegou em Campo Grande, o m. Paulo Afonso Amato Condé e família, trazendo mais desenvolvimento e alegria.

Participação ativa

Atualmente, o Núcleo Senhora Santana conta com uma irmandade que reúne cerca de 174 pessoas, entre sócios e seus filhos.

Com 32 anos, contando desde a data de criação da DAV, o Núcleo Senhora Santana, bem como outros Núcleos da 13ª Região, mantém uma importante participação nos trabalhos da Diretoria Geral da União do Vegetal, com destaque para os Departamentos de Beneficência, Memória e Documentação e Médico-Científico. Auxilia também nos trabalhos da Associação Novo Encanto de Desenvolvimento Ecológico, entidade parceira da UDV.

Nesta linda história, m. Clóvis e c. Célia, sempre procuraram passar a verdade em suas palavras, preservando os ensinos do Grande Mestre Gabriel com honra e profundo amor.

Núcleos e Distribuições Autorizadas de Vegetal que compõem a 13ª Região:

Núcleo Senhora Santana – Campo Grande-MS
Núcleo Breuzim – Cuiabá – MT
Núcleo Solhinha – Barra do Garças – MT
Núcleo Santa Luzia – Várzea Grande – MT
Núcleo São Joaquim – Campo Grande – MS
Núcleo Arvoredo – Cuiabá – MT
Núcleo Mestre Luziário – Chapadão do Céu – GO
Núcleo Florestal – Alta Floresta – MT
Núcleo Luz de Maria – Campo Grande – MS
Núcleo Sagrada Família – Várzea Grande – MT
Núcleo Luz Sublime – Cuiabá – MT
Distribuição Autorizada de Vegetal de Primavera do Norte – Sorriso – MT
Distribuição Autorizada de Vegetal de Sidrolândia – Sidrolândia – MS

*Integrante do Corpo do Conselho do Núcleo Senhora Santana (Campo Grande-MS)

** Integrante do Corpo do Conselho do Núcleo Senhora Santana (Campo Grande-MS) e Diretora do Departamento de Memória e Documentação da Diretoria Geral do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal (DMD).

Gloria Campos Mura*
Laura Abes Casaca**

Pesquisa das fotos históricas: Geancarlo Merighi, monitor do Departamento de Memória e Documentação e Isabela Abes Casaca, auxiliar do DMD. Integrantes do Corpo Instrutivo do Núcleo Senhora Santana.

Tereré News

Editor - Tereré News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *