Campo Grande/MS, 21 de Fevereiro de 2019

Nacional

Boechat trabalhou em alguns dos maiores jornais do Brasil

Veja
Foto: Reprodução Importante nome do jornalismo brasileiro, Boechat iniciou sua carreira em 1970, no extinto Diário de Notícias do Rio de Janeiro.
Importante nome do jornalismo brasileiro, Boechat iniciou sua carreira em 1970, no extinto Diário de Notícias do Rio de Janeiro.

Morto em um acidente de helicóptero nesta segunda-feira, Ricardo Boechat era um dos jornalistas mais experientes – e respeitados – do país. Âncora do Jornal da Band, ele começou sua carreira de quase cinco décadas como repórter e teve uma breve passagem pela política. Conheça abaixo a trajetória do apresentador.

Boechat nasceu em Buenos Aires, Argentina, em 1956. Começou sua carreira nos anos 1970, como repórter do extinto jornal Diário de Notícias. Na mesma época começou a atuar como colunista, colaborando com Ibrahim Sued. Apresentador e radialista, teve uma breve carreira na política, como secretário de Comunicação Social no governo Moreira Franco. É vencedor de seis Prêmio Esso.

Boechat trabalhou em alguns dos maiores jornais do Brasil. Entre eles, O Globo, O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil. Foi também diretor de jornalismo na Band e atuava como âncora de dois jornais: nas redes de rádio da BandNews FM e de televisão. Era casado com Veruska Seibel Boecha e deixa seis filhos, Paula Boechat.

Deixe seu Comentário