Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 24 de Agosto de 2019

Nacional

Balanço do Bolsa Família aponta redução da pobreza e desigualdade no Brasil

Agëncia Brasil
Foto: Divulgação / Assessoria httpariquemesonlinecombrimg366719gbalancjfif.jpg

Um balanço dos efeitos do Bolsa Famíliaaponta uma redução de 15% da pobreza e de 25% da extrema pobreza entre os beneficiados. O programa também respondeu por 10% da diminuição da desigualdade no Brasil, entre 2001 e 2015.
O Revista Brasil conversou com o pesquisador do Ipea Luis Henrique Paiva sobre esse assunto:
Segundo ele, o Bolsa Família é a transferência de renda feita pelo governo que mais alcança a população pobre no Brasil. "A questão fundamental é que as transferências têm um valor muito baixo ainda. A gente transfere cerca de R$180 por família, por mês. Como o valor da transferência é baixo, o programa tem os seus efeitos limitados", disse.
Luis Henrique pontuou, ainda, que - diante de informações robustas de diversos estudos - programas de transferência de renda para os mais pobres não desincentivam a participação no mercado de trabalho.     

Deixe seu Comentário