Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 19 de Julho de 2019

Notícias da justiça e do direito

Assassino confesso de Mayara Amaral vai a júri nesta sexta (29) - confira pauta de julgamentos

Assessoria de Comunicação
Foto: Jefferson Coppola/VEJA A musicista Mayara Amaral e seu assassino confesso, Luís Alberto Bastos Barbosa

Estão pautados para esta semana seis julgamentos pela 1ª e 2ª Vara do Tribunal do Júri. Dentre os processos, será julgado na sexta-feira, dia 29 de março, o réu L.A.B.B., acusado do homicídio da musicista Mayara Amaral, assassinada em um motel com golpes de martelo.

O júri está marcado para ter início às 8 horas e L.A.B.B. é acusado de ter cometido os crimes de homicídio qualificado por motivo fútil, meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio.

Além do caso da musicista, está em pauta para terça-feira (26) a Ação Penal nº 0047726-98.2016.8.12.0001, na qual o réu R.S.F. de O., de 24 anos, é acusado de matar o padrasto R.A.L., de 51 anos, após desentendimento.

De acordo com o processo, no dia 3 de outubro de 2016, por volta das 21h50, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, o acusado efetuou disparos de pistola contra o padrasto, após discussão. A vítima foi socorrida e encaminhada ao hospital Santa Casa, porém não resistiu aos ferimentos e morreu.

Extrai-se dos autos que, no dia dos fatos, o denunciado foi até a residência da sua mãe buscar alguns pertences, pois dormiria na casa da namorada, ocasião em que presenciou sua mãe chorando, pois o padrasto a agredia com palavras. Nesse momento, o acusado iniciou uma discussão, sua mãe tentou intervir na briga, porém foi empurrada pelo companheiro, caiu no chão e desmaiou.

Em ato contínuo, o réu correu até a varanda onde estava o veículo do padrasto, apanhou embaixo do tapete do motorista uma arma de fogo e efetuou disparos contra a vítima, em uma distância de aproximadamente 3 metros. Em seguida, o acusado devolveu a pistola no veículo da vítima e fugiu do local, enquanto sua mãe permanecia desacordada.

Diante do conselho de sentença, o acusado responderá pelo crime previsto no artigo 121 do Código Penal (homicídio simples), em relação à vítima Rildo Lopes.

Confira a pauta de julgamentos desta semana.

1ª Vara do Tribunal do Júri – sessão extraordinária

25 de março (segunda-feira): processo nº 0009887-10.2014.8.12.0001

29 de março (sexta-feira): processo nº 0017180-60.2016.8.12.0001

1ª Vara do Tribunal do Júri – sessão ordinária

Dia 26 de março (terça-feira): processo nº 0047726-98.2016.8.12.0001

Dia 28 de março (quinta-feira): processo nº 0020073-24.2016.8.12.0001

2ª Vara do Tribunal do Júri

27 de março (quarta-feira): processo nº 0007367-38.2018.8.12.0001

29 de março (sexta-feira): processo nº 0029811-02.2017.8.12.0001

Deixe seu Comentário