Campo Grande - Mato Grosso do Sul, 22 de Agosto de 2019

Economia e Negócios

Após cair abaixo de 10 mil dólares, preço do Bitcoin volta a estabilizar

Guia do Bitcoin
Foto: Divulgação / Assessoria httpariquemesonlinecombrimg367061gaposjpg.jpg

Esta quinta-feira (15) começou bastante difícil para o Bitcoin. A criptomoeda, que já vinha apresentando queda em seus valores, caiu abaixo de 10 mil dólares, chegando a atingir 9.500 dólares. Porém, nas últimas horas o mercado de moedas digitais começou a trabalhar para recuperar as perdas, e está conseguindo reverter aos poucos parte do quadro negativo em que se encontra.
O que acontece com o Bitcoin?
Há alguns motivos pelos quais a criptomoeda está apresentando esta desvalorização. Entre eles destacam-se cinco. O primeiro é o aumento em torno das expectativas com relação a Libra, a moeda digital anunciada pelo Facebook. O mercado tem prestado cada vez mais atenção nesta nova alternativa, o que pode complicar a dominância do Bitcoin. Outro motivo é o fim das tensões entre EUA e China. Agora que as incertezas diminuíram, o BTC não está mais tão em alta para os investidores.
O terceiro motivo diz respeito a saída do Reino Unido da União Europeia. O Brexit traz grande incerteza para a economia da Europa, o que impacta nos mercados e no preço do Bitcoin. Além disto, há também o fato de que os investidores que compraram BTC durante a desvalorização da moeda da China, agora estão recolhendo seus lucros. Por fim, há ainda o adiamento da decisão da Comissão de Segurança e Câmbio dos EUA em permitir ou não o lançamento da criptomoeda como parte dos fundos negociados na bolsa.
Perspectivas para o futuro
Os esforços com relação a manter o preço da criptomoeda continuam. Entretanto, a curto prazo as perspectivas não se mostram tão otimistas. Até o momento do fechamento desta matéria, o valor do Bitcoin estava no limite da casa dos 10 mil dólares. É importante lembrar que o BTC tem um grande caráter de instabilidade, o que se reflete na alteração de seus valores.
As opiniões dos especialistas divergem. Enquanto uns estão mais pessimistas com relação aos resultados futuros da criptomoeda, outros apostam em um cenário mais favorável. O fato é que, para que o Bitcoin possa voltar a animar os investidores com valores mais altos, é preciso que ultrapasse a marca de 13.200 dólares que atingiu em julho, ainda neste mês.
De olho nos próximos movimentos do mercado
As perdas do BTC nas últimas 24 horas foram significativas, apresentando mais de 900 dólares de desvalorização. Enquanto os compradores estão fazendo esforços para que o preço consiga subir novamente, somente os próximos movimentos da economia mundial poderão ajudar na análise dos próximos passos da criptomoeda. Por isto, todos estão de olho no que acontecerá com o mercado de investimentos global.
Fontes: News Today e CoinTelegraph
Por Jeferson

Deixe seu Comentário