Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia em Campo Grande: Atletas da casa prometem não decepcionar

A torcida local tem bons motivos para acreditar em uma final com algum atleta sul-mato-grossense na etapa de Campo Grande (MS) do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia. O torneio começa na próxima quarta-feira (13.09) e são quatro atletas representando o estado e garantidos pelo ranking de entradas. O número pode aumentar ainda mais após a definição das duplas que conseguirão a vaga pelo classificatório.

Na fase de grupos, já estão garantidos os atletas olímpicos Benjamin e Talita, que apesar de ser federada por Alagoas, é nascida em Aquidauana, além do campeão brasileiro Saymon e da campeã mundial Sub-19 Victoria. Na quarta e quinta, acontecem as disputas do classificatório, e outros nove atletas federados pelo Mato Grosso do Sul tentarão uma vaga.

Talita, que mora no Rio de Janeiro, comemorou a oportunidade de ‘voltar para casa’ e disputar a competição perto de amigos e familiares. Ela ainda defende o título, já que venceu a etapa da temporada passada ao lado de Larissa, abrindo caminho para vencer o tri brasileiro.

“Estou muito empolgada, depois de muitos anos sem etapas, voltamos a ter Campo Grande recebendo a elite do vôlei brasileiro no ano passado, quando consegui subir ao pódio com a Larissa. E agora novamente nesta temporada. É ótimo jogar perto da família. Eles acompanham todos os jogos e incentivam muito. Durante a temporada, assistem muitos pela televisão, e agora poderão vibrar de perto”, disse a atleta de Aquidauana.

Quem também chega com moral é Saymon, que ao lado de Álvaro Filho, defende o título da temporada. Em 2016, o ouro ficou muito próximo – eles foram superados na final por Ricardo e André Stein -, e agora o atleta da casa quer dar ainda mais alegrias aos familiares.

“As expectativas são altas, jogar ao lado da minha família, da minha terra, é maravilhoso. Temos uma pressão a mais por sermos os atuais campeões brasileiros, mas agora é um ciclo novo, tudo novo. Esquecemos o que conquistamos, cabeça limpa, novos objetivos e vamos com toda força em busca de bons resultados”.

A competição passou de 16 para 24 times na fase de grupos, em ambos os gêneros. A definição das duplas acontece de duas maneiras. Os primeiros 16 times mais bem colocados no ranking nacional entram direto na fase principal, enquanto as outras oito duplas saem do classificatório, que ocorre na quarta (feminino) e quinta-feira (masculino).

O classificatório conta com até 32 times que disputam partidas eliminatórias diretas, com os últimos oito ‘sobreviventes’ finais avançando para a fase de grupos.

As 24 duplas disputam a fase de grupos em seis grupos de quatro times. Os primeiros e segundos colocados de cada chave, além dos quatro melhores terceiros colocados vão para as oitavas de final. Desta etapa em diante o torneio segue em formato eliminatório direto até a decisão. A final feminina acontece na noite de sábado (16.09), enquanto a disputa do ouro no torneio masculino fica para a manhã de domingo (17.09).

No torneio masculino, as 16 duplas já garantidas pelo ranking são Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Alison/Bruno Schmidt (ES/DF), Evandro/André Stein (RJ/ES), Pedro Solberg/George (RJ/PB), Vitor Felipe/Guto (PB/RJ), Oscar/Thiago (RJ/SC), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR), Léo Gomes/Ferramenta (RJ), Gilmário/Bernardo Lima (PB/CE), Moisés/Bruno (BA/AM), Benjamin/Averaldo (MS/TO), Jô/Léo Vieira (PB/DF), Anderson Melo/Pedro Marins (RJ), Pedro Henrique/Felipe Cavazin (PB/PR), Jeremy/Harley (RJ/DF) e Allison/Márcio Gaudie (RJ).

Já as 16 duplas femininas classificadas pelo ranking são Larissa/Talita (PA/AL), Ágatha/Duda (PR/SE), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Elize Maia/Taiana (ES/CE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Josi/Lili (SC/ES), Juliana/Carol Horta (CE), Val/Ângela (DF/RJ), Victoria/Tainá (MS/SE), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ/PE), Naiana/Rachel (CE/RJ), Sandressa/Neide (AL), Andrezza/Izabel (AM/PA), Renata/Andressa (RJ/PB), Erica Freitas/Rafaela (MG/PA) e Vitoria/Juliana Simões (RJ/PR).

O Circuito Brasileiro 2017/2018 é composto por sete etapas, três delas que ocorrem até o final deste ano, enquanto outras quatro serão realizadas em 2018, com cidades e datas a definir. Além de Campo Grande, o tour nacional passará por Natal (RN), de 18 a 22 de outubro, e Itapema (SC), de 15 a 19 de novembro.

CREDENCIAMENTO

Os jornalistas e fotógrafos interessados em realizar a cobertura da etapa de Campo Grande (MS) do Circuito Brasileiro Open devem enviar pedido de credenciamento com nome completo, função, veículo e RG para o e-mail ‘imprensa@volei.org.br’. A retirada das credenciais será realizada na própria arena, na sala de imprensa, de quarta-feira (13.09) até sábado (16.09), das 8h às 17h.

Os profissionais deverão apresentar-se com o crachá funcional do veículo pelo qual trabalham ou com uma carta de solicitação de credenciamento em papel timbrado do mesmo, assinado pelo chefe de reportagem ou editor. Os jornalistas Rogério Lauback (21 99422-7157) e Renan Rodrigues (21 99290-4767) farão o credenciamento e auxiliarão os jornalistas.

SERVIÇO CIRCUITO BRASILEIRO ETAPA CAMPO GRANDE
Data: Quarta-feira (13.09) a domingo (17.09)
Local: Parque das Nações Indígenas, Av Afonso Pena
Horários: Quinta, das 8h às 15h30; Sexta das 8h às 16h; Sábado das 8h às 13h, intervalo, e 16h30 às 20h30; Domingo das 9h30 às 12h30 
Entrada Franca

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Foto: Arquivo/Tereré News

Tereré News

Editor - Tereré News

Sua opinião é muito importante para nós!